.posts recentes

. e quem diria

. Vai correr tudo bem ... ?

. Pensar em mim!

. Será possivel?

. Saudades de um passado...

. Final feliz...

. Confusões dentro de mim

. Reflexões de Natal...

. Uma 'amizade' do passado....

. Por gostar...

.arquivos

. Maio 2015

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

Sexta-feira, 27 de Abril de 2012
Saudades de um passado...

Ultimamente tenho pensado
demasiado em ti.

Em ti e em nós.

E em tudo que fomos e não somos
mais.

A tua presença na minha vida
está a fazer-me tanta falta que eu própria já não sei gerir os meus
sentimentos.

Vejo as nossas fotos e recordo
os momentos de cada uma delas.

O teu número na minha lista
mantêm-se mas o meu orgulho grita mais alto que a vontade de te ligar.

Eu segui em frente, eu esqueci
tudo e mostrei-me forte perante tudo aquilo que aconteceu connosco, mas a
verdade é que mais ninguém foi capaz de substituir a nossa amizade.

Por fora, a minha aparência parece
indestrutível mas só eu sei o que vai aqui dentro.

Só eu sei o quanto me custa
ignorar-te e mostrar-me duma maneira que no fundo não faz parte da minha
personalidade.

Sinto-me cansada…

Cansada das coisas que não voltam
mais.

De coisas que eu não preciso
mas das quais sinto tanto falta!

Porque é que as coisas mudaram
tanto?

Tudo poderia ser tão mais
simples se nós próprias não fossemos tão complicadas…

Aquilo que um dia nos uniu,
hoje só nos separa.

Segredos e conversas que só
contigo poderiam ser desabafados, hoje guardo só para mim…

Não sei mais nada de ti…

Tu pensas que já te esqueci e
eu acho o mesmo em relação a ti, mas no fundo, o meu coração diz que não…que
mesmo depois de tudo, ainda continuamos ligadas.

Eu sinto a tua falta quanto tu
sentes a minha…

Mas sei que pensar e falar
sobre isto só me faz mal.

Já está mais do que na hora de
seguir em frente, com ou sem a tua amizade, a vida continua.

Escrevo e falo sozinha mas só
eu sei o quanto tudo isto é fácil quando na verdade, esquecer-te ou tirar-te da
minha vida, é missão impossível.

Apesar dos erros e das falhas,
de parte a parte, só nos amadureceu.

O tempo passou e crescemos mas
hoje aqui, mesmo sem ti, eu tenho a certeza que continuas a ser a melhor amiga
que eu sempre quis ter e tive…

publicado por Cris às 00:08
link do post | comentar | favorito
Domingo, 15 de Abril de 2012
Final feliz...

Tenho pensado muito em nós…

Tenho pensado no quanto a distância
por vezes nos tem aproximado mas por outras, nos tem separado tanto!

Há momentos em que o que mais
quero é tentar entender-te.

Entender as tuas atitudes.

Entender os teus
comportamentos.

Mas confesso, está cada vez
mais complicado fazê-lo.

Quando finalmente conseguimos
estabilizar tudo, eis que algo surge e destabiliza de novo…

É certo e mais que certo que
começo a ficar cansada.

Por mais que goste de ti, por
mais que o sentimento seja infinito, só tudo isso não basta!

Preciso de mais!

Preciso de mais de ti!

Preciso de mais de nós!

Não gosto da acomodação nem da
segurança por termos uma relação firme…

Preciso de ser conquistada
todos os dias e neste momento isso não está a acontecer.

O que está a acontecer é que a
ausência dessa conquista me está a arruinar por dentro.

Não me sinto amada e ao mesmo
tempo, não te sinto aqui…

Eu sei que te amo e sei o quão
importante és para mim mas existem prioridades e a minha é ser feliz.

Se já não te faço feliz, eu também
não o sou mais.

Durante muito tempo, houve um “nós”
que parecia inabalável… hoje olho e não vejo mais isso, apenas restos de uma
bonita história de amor.

Tudo é eterno enquanto dura e
a nossa relação está próxima de um final feliz.

E a questão é mesmo essa: o
final!

Não é um adeus, não é um
acabar.

É o recomeçar de uma nova
vida, mas desta vez de lados opostos.

Não sei se este será o real
desfecho mas a verdade é que o sinto cada vez mais próximo…

Noites acordada a chorar
começam a esgotar-me as forças.

Lutei muito por nós. Agora chega.

Há que levantar a cabeça e
virar a página com a certeza que nunca esquecerei a tua passagem pelo livro da
minha vida!

publicado por Cris às 12:22
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Abril de 2012
Confusões dentro de mim

Sabes, sinto-me cansada…

Nem sei bem porquê nem por
quem…

Talvez nem por nada, apenas
por mim…

Olho-me no espelho e mal me
reconheço.

O cansaço apoderou-se de mim,
totalmente!

Quero e tenho vontade de
ligar-te mas por outro lado não quero e não posso.

As dúvidas de há uns tempos
voltaram…

O meu sentimento mantem-se mas
no fundo sinto que o teu se desvaneceu no tempo…no nosso tempo.

Faço-me de forte mas só eu sei
o que sinto dentro de mim.

Mas não quero falar com ninguém
sobre isto…eu sei que vai passar, como sempre acontece.

Mas custa…

Custa e dói viver na
incerteza.

Estar contigo e ter mil e uma
perguntas para te fazer mas a falta de coragem impedem-me disso…

Não sei até quando conseguirei
aguentar…

Não sei até quando me manterei
firme, ou pelo menos aparentemente firme!

Por vezes, sozinha, penso se não
seria melhor um ponto final numa história que por vezes parece não ter mais
páginas para ler…

Sei que não iria ser fácil mas
talvez fosse o melhor para mim, para ti, para nós…

Mas, não me sinto capaz de
seguir em frente sem ti…

Não me sinto capaz de viver
sem ti a meu lado…

Acho que este amor se pode vir
a tornar doentio, de certa forma….Ou talvez não, não sei…

Já não sei de nada…

Noites sem dormir, dias à
espera de uma chamada tua. Uma chamada que nunca chega…

Tenho tanto para te dizer…

Tenho tantas saudades tuas…

A minha cabeça está tão
confusa e o coração não ajuda em nada!

Dizem que o tempo cura tudo…

Neste momento não, só piora…

O tempo passa e as dúvidas são
cada vez maiores, assim como os receios…

Quero mesmo seguir em frente
mas não te quero deixar para trás…!

publicado por Cris às 23:57
link do post | comentar | favorito
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.favorito

. Nunca é um Adeus...

blogs SAPO
.subscrever feeds