.posts recentes

. e quem diria

. Vai correr tudo bem ... ?

. Pensar em mim!

. Será possivel?

. Saudades de um passado...

. Final feliz...

. Confusões dentro de mim

. Reflexões de Natal...

. Uma 'amizade' do passado....

. Por gostar...

.arquivos

. Maio 2015

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

Sexta-feira, 21 de Outubro de 2011
Vida nova

Afastada de ti, sozinha aqui, penso em todos os momentos que passámos juntos.

Todas as promessas, todos os planos a dois, todas as loucuras cometidas um pelo outro, sentimentos jamais sentidos antes.

É injusto pedir-te para voltar mas está complicado perceber o porquê disto tudo.

Tudo que me dizias parecia tão verdadeiro, hoje penso que se calhar fui demasiado ingénua.

Não sei o que fazer, o que pensar, o que dizer, como agir.

Sei que tenho de tomar uma decisão sobre nós dois mas também sei que a decisão mais acertada é aquela que me vai doer mais.

Promestes-te que nunca me magoarias... Porque não cumpriste a tua promessa?

Sozinha nesta cama vazia, ainda sinto o teu cheiro nos nossos lençóis.

A verdade é que o teu lugar ainda não transparece a tua auseência.

No entanto, custa olhar e ver que não estás lá.

As fotos continuam no porta-retratos, a aliança no meu dedo...

Tudo igual e as decisões ainda por tomar...

Toda a gente fala mas ninguém é capaz de me compreender...nem eu própria!

O caminho a seguir é claro mas não me parece o favorável...

Será que existe a possibilidade de eu acordar deste pesadelo?

publicado por Cris às 00:10
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.favorito

. Nunca é um Adeus...

.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds