.posts recentes

. e quem diria

. Vai correr tudo bem ... ?

. Pensar em mim!

. Será possivel?

. Saudades de um passado...

. Final feliz...

. Confusões dentro de mim

. 5 anos

. Reflexões de Natal...

. Uma 'amizade' do passado....

.arquivos

. Maio 2015

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

Quarta-feira, 6 de Maio de 2015
e quem diria

E quem diria, olhando hoje para trás, que chegaríamos aqui…

E quem diria, depois de tudo, de tanta prova que quase nos levou ao limite, de tanta rasteira que a vida nos foi pregando, que chegaríamos aqui…

Mas quem, realmente diria que tudo isto se tornaria realidade.

Acho que nem eu acredito que estamos aqui, no mesmo lugar, com os mesmos sonhos de um dia e com tantos planos ainda por se concretizar.

Diz-me que vais ficar, mais uma vez, quando a vida nos voltar a surpreender e trouxer de novo uma prova ou uma rasteira.

Oh meu amor, como é bom ter-te aqui nos meus braços todos os dias, e como que quase impossível, gostar mais um pouco de ti a cada dia e a cada momento que os nossos olhares se cruzam.

E quem diria…

Promete que vais ficar por mais longos anos aqui…

E um dia as coisas ficarão difíceis, ou talvez não… mas promete que vais estar aqui para nós dois.

Tu sabes o quanto lutamos para chegar aqui e…e quem diria que chegaríamos!

O sol talvez não brilhe num dia ou outro mas prometo que brilharei para ti só para te ver feliz.

E ninguém poderia adivinhar que chegaríamos aqui…

Mas chegamos…

Mais fortes.

Mais unidos.

Contigo não sei, mas comigo trago mais amor, mais lealdade e mais e mais amor e amor para te dar.

Porque ninguém diria mas lá no fundo nós sabíamos…

Nós sabíamos que chegaríamos aqui!

 

publicado por Cris às 20:01
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 14 de Agosto de 2012
Vai correr tudo bem ... ?

Hoje acordei e a chuva batia forte no vidro da janela e isso provou que tudo à minha volta vai ao encontro do meu estado de espirito.

Sinto-me desanimada, triste, desorientada, sem rumo afinal…

Não sei o que será de mim daqui para a frente, o que fazer, não sei nada.

Sinto-me sozinha e quero estar sozinha, na companhia do meu silêncio.

Olho para trás e parece que tudo que vivi está tão mas tão longe, como se a minha vida de há uns dias tivesse desvanecido no momento que soube que a minha vida mudou, ou pelo menos está prestes a mudar.

As coisas vão mudar mas no fundo eu ainda não me conformei ou pelo menos ainda não me familiarizei com isso.

Parece tudo tão surreal que ainda não acredito.

Em frente ao espelho, não mais me reconheço.

A alegria deu lugar ao medo, o sorriso foi trocado pela tristeza…

Todos os planos, todos os projectos agora ficarão guardados numa gaveta que não sei quando poderá ser aberta de novo.

Apesar de tudo isto, ainda tenho força para querer levantar a cabeça, aceitar a situação e seguir em frente.

Só ainda não me sinto preparada nem capaz, no entanto sei que a qualquer momento isso vai acontecer.

A partir de agora não vou estar mais sozinha e é nisso que me tenho de focar.

Só quero ser e fazer feliz alguém que depende muito de mim.

Quero acreditar que todos estes sentimentos destrutivos irão ser substituídos pelos momentos bons que me esperam…

“Vai correr tudo bem”…

Eu espero que sim…

publicado por Cris às 13:02
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 10 de Maio de 2012
Pensar em mim!

Hoje senti-me na necessidade
de estar sozinha.

Para pensar, para reflectir,
não sei bem…

Peguei no carro e andei por
aí…sem destino…

Parei num sítio que nem
conheço mas que me fez bem…

Transmitiu-me paz e deu-me
capacidade para estar só comigo mesma.

Agora eu sei que ninguém ama
da mesma forma.

Ninguém ama com a mesma
intensidade.

Duas pessoas numa relação não
amam de forma igual.

Agora eu sei isso.

Há sempre um que ama mais e o
outro menos.

É um amor mas sentido doutra
maneira.

À maneira de cada um.

Agora eu sei isso.

Agora eu sei que entre nós, eu
sou a que ama mais.

Eu sou aquela que dá tudo, que
se entrega sem amanhã, que corre atrás só para te ver feliz.

Sou aquela que abdica de
algumas coisas só para te ver bem.

Sou eu que seguro as pontas e
estico a corda quando a nossa relação assim o exige.

E tu…tu és aquele que
simplesmente recebe.

Aquele que espera sempre o
máximo de mim.

Que espera que te alegre nos
teus momentos menos bons.

Hoje olho para trás e não sei
o que ficou, não sei o que restou de tudo aquilo que fomos um dia.

Agora penso e vejo que está na
altura de pensar em mim.

Eu esqueci-me disso por muito
tempo.

Esqueci-me que eu também existo
e que em primeiro lugar está o meu bem-estar.

Aprendi que não dependo de ninguém
para ser feliz, não tenho o direito de impor essa responsabilidade a ninguém quando
isso só depende de mim.

Não tenho de esperar que alguém
me complete, eu própria tenho de ser inteira sozinha.

Tudo o resto é um bónus…

Por isso para mim chega…

Chega de tudo mas no fundo
chega de nada pois é isso que me tens dado…

publicado por Cris às 12:54
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 1 de Maio de 2012
Será possivel?

É possível gostar de alguém só
às vezes?

Amar só de vez em quando?

Será o amor um ciclo?

É possível morrer de saudades
num dia e no outro a seguir, pouco ou nada se lembrar dessa pessoa?

É possível?

Ou é impossível…

Impossível gostar todos os
dias, sempre da mesma maneira…

Será assim tão impossível?

Porque é que as pessoas não se
entregam?

Porque evitam dizer o que
sentem?

Porquê tanto medo, tanto
receio…

Será por não amar o suficiente
ou será por amar demais e não saber a resposta do outro lado?

Porque é que não valorizam
enquanto têm?

Porque deixam o orgulho falar
mais alto quando disso depende o “ir” ou o “ficar”?

Em busca de respostas, só consigo
encontrar mais perguntas, mais problemas sem solução…

Penso e reflicto.

Paro e volto a pensar
novamente.

Começo a achar que esse é o
grande problema: pensar demais!

Olhando para trás, agora vejo,
também eu cometi estes erros…

Porque é que não me entrego?

Porque é que tenho tanto medo
de mim mesma?

Será que amo de uma forma que
nem eu consigo controlar?

Porque não dei valor enquanto
o tive?

Porque é que o meu orgulho não
fica calado quando assim é preciso?

Eu própria me questiono e
nisso me afundo nos meus próprios problemas sem solução.

Todos falam que o caminho é em
frente mas…como seguir em frente se deixei a minha felicidade para trás?!

  

publicado por Cris às 00:11
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Abril de 2012
Saudades de um passado...

Ultimamente tenho pensado
demasiado em ti.

Em ti e em nós.

E em tudo que fomos e não somos
mais.

A tua presença na minha vida
está a fazer-me tanta falta que eu própria já não sei gerir os meus
sentimentos.

Vejo as nossas fotos e recordo
os momentos de cada uma delas.

O teu número na minha lista
mantêm-se mas o meu orgulho grita mais alto que a vontade de te ligar.

Eu segui em frente, eu esqueci
tudo e mostrei-me forte perante tudo aquilo que aconteceu connosco, mas a
verdade é que mais ninguém foi capaz de substituir a nossa amizade.

Por fora, a minha aparência parece
indestrutível mas só eu sei o que vai aqui dentro.

Só eu sei o quanto me custa
ignorar-te e mostrar-me duma maneira que no fundo não faz parte da minha
personalidade.

Sinto-me cansada…

Cansada das coisas que não voltam
mais.

De coisas que eu não preciso
mas das quais sinto tanto falta!

Porque é que as coisas mudaram
tanto?

Tudo poderia ser tão mais
simples se nós próprias não fossemos tão complicadas…

Aquilo que um dia nos uniu,
hoje só nos separa.

Segredos e conversas que só
contigo poderiam ser desabafados, hoje guardo só para mim…

Não sei mais nada de ti…

Tu pensas que já te esqueci e
eu acho o mesmo em relação a ti, mas no fundo, o meu coração diz que não…que
mesmo depois de tudo, ainda continuamos ligadas.

Eu sinto a tua falta quanto tu
sentes a minha…

Mas sei que pensar e falar
sobre isto só me faz mal.

Já está mais do que na hora de
seguir em frente, com ou sem a tua amizade, a vida continua.

Escrevo e falo sozinha mas só
eu sei o quanto tudo isto é fácil quando na verdade, esquecer-te ou tirar-te da
minha vida, é missão impossível.

Apesar dos erros e das falhas,
de parte a parte, só nos amadureceu.

O tempo passou e crescemos mas
hoje aqui, mesmo sem ti, eu tenho a certeza que continuas a ser a melhor amiga
que eu sempre quis ter e tive…

publicado por Cris às 00:08
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 15 de Abril de 2012
Final feliz...

Tenho pensado muito em nós…

Tenho pensado no quanto a distância
por vezes nos tem aproximado mas por outras, nos tem separado tanto!

Há momentos em que o que mais
quero é tentar entender-te.

Entender as tuas atitudes.

Entender os teus
comportamentos.

Mas confesso, está cada vez
mais complicado fazê-lo.

Quando finalmente conseguimos
estabilizar tudo, eis que algo surge e destabiliza de novo…

É certo e mais que certo que
começo a ficar cansada.

Por mais que goste de ti, por
mais que o sentimento seja infinito, só tudo isso não basta!

Preciso de mais!

Preciso de mais de ti!

Preciso de mais de nós!

Não gosto da acomodação nem da
segurança por termos uma relação firme…

Preciso de ser conquistada
todos os dias e neste momento isso não está a acontecer.

O que está a acontecer é que a
ausência dessa conquista me está a arruinar por dentro.

Não me sinto amada e ao mesmo
tempo, não te sinto aqui…

Eu sei que te amo e sei o quão
importante és para mim mas existem prioridades e a minha é ser feliz.

Se já não te faço feliz, eu também
não o sou mais.

Durante muito tempo, houve um “nós”
que parecia inabalável… hoje olho e não vejo mais isso, apenas restos de uma
bonita história de amor.

Tudo é eterno enquanto dura e
a nossa relação está próxima de um final feliz.

E a questão é mesmo essa: o
final!

Não é um adeus, não é um
acabar.

É o recomeçar de uma nova
vida, mas desta vez de lados opostos.

Não sei se este será o real
desfecho mas a verdade é que o sinto cada vez mais próximo…

Noites acordada a chorar
começam a esgotar-me as forças.

Lutei muito por nós. Agora chega.

Há que levantar a cabeça e
virar a página com a certeza que nunca esquecerei a tua passagem pelo livro da
minha vida!

publicado por Cris às 12:22
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 3 de Abril de 2012
Confusões dentro de mim

Sabes, sinto-me cansada…

Nem sei bem porquê nem por
quem…

Talvez nem por nada, apenas
por mim…

Olho-me no espelho e mal me
reconheço.

O cansaço apoderou-se de mim,
totalmente!

Quero e tenho vontade de
ligar-te mas por outro lado não quero e não posso.

As dúvidas de há uns tempos
voltaram…

O meu sentimento mantem-se mas
no fundo sinto que o teu se desvaneceu no tempo…no nosso tempo.

Faço-me de forte mas só eu sei
o que sinto dentro de mim.

Mas não quero falar com ninguém
sobre isto…eu sei que vai passar, como sempre acontece.

Mas custa…

Custa e dói viver na
incerteza.

Estar contigo e ter mil e uma
perguntas para te fazer mas a falta de coragem impedem-me disso…

Não sei até quando conseguirei
aguentar…

Não sei até quando me manterei
firme, ou pelo menos aparentemente firme!

Por vezes, sozinha, penso se não
seria melhor um ponto final numa história que por vezes parece não ter mais
páginas para ler…

Sei que não iria ser fácil mas
talvez fosse o melhor para mim, para ti, para nós…

Mas, não me sinto capaz de
seguir em frente sem ti…

Não me sinto capaz de viver
sem ti a meu lado…

Acho que este amor se pode vir
a tornar doentio, de certa forma….Ou talvez não, não sei…

Já não sei de nada…

Noites sem dormir, dias à
espera de uma chamada tua. Uma chamada que nunca chega…

Tenho tanto para te dizer…

Tenho tantas saudades tuas…

A minha cabeça está tão
confusa e o coração não ajuda em nada!

Dizem que o tempo cura tudo…

Neste momento não, só piora…

O tempo passa e as dúvidas são
cada vez maiores, assim como os receios…

Quero mesmo seguir em frente
mas não te quero deixar para trás…!

publicado por Cris às 23:57
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 14 de Janeiro de 2012
5 anos

Tudo começou por acaso, sem expectativas,
sem pensar, apenas deixando as coisas acontecer.

Foi estranho mas a verdade é
que tudo aconteceu tão rápido que quase não houve tempo para pensar.

Em pouco tempo tornaste-te uma
pessoa especial.

Estavas sempre lá para mim, independentemente das circunstâncias,
nunca falhaste.

Sem me aperceber, comecei a
sentir por ti algo que já não sentia há muito tempo…

Contigo as horas passavam a
correr e era como se ao mesmo tempo o mundo parasse por te ter ao meu lado.

Tornaste-te em muito mais que
um namorado.

Tornaste-te no melhor amigo, no meu porto-de-abrigo, o meu refúgio,
na minha força.

Sorrisos, gargalhadas,
brincadeiras, tristezas, preocupações, incertezas, tudo isso foi partilhado em
momentos a dois.

Contigo descobri o verdadeiro
sentido da palavra “Amar”,

contigo soube o quanto é bom ser amada.

Fizemos projectos a curto
prazo e cumprimos.

Projectamos um futuro a dois e
caminhamos para a concretização dos mesmos.

Imaginar a minha vida sem ti
não faz qualquer sentido, és parte de mim.

Muitos foram os obstáculos que
se atravessaram no nosso caminho,

muitos os desafios que nos puseram à prova,
tanto a nós como a tudo aquilo que construímos.

Houve momentos que tive receio
de fracassar, de não ter mais forças…

A nossa felicidade incomodou
algumas pessoas e acabou por nos afectar também…

Tive os meus momentos de
cansaço, de incertezas e inseguranças

mas sempre tive presente o medo de te
perder…

Quando tantas vezes as coisas
pareciam estar bem, eis que algo nos afronta…

Desilusões também fizeram
parte mas juntos superamos.

O que sentimos foi mais forte
e se tanta coisa nos poderia ter separado,

hoje tenho a certeza que só nos
fortaleceu!  

Foram mais os momentos de
felicidade que valeram todos os outros.

Quero agradecer-te por tudo,
por seres quem és e por apesar de tudo, ainda estares do meu lado.

Aconteça o que acontecer, eu
tenho a certeza que jamais irei encontrar alguém como tu,

não perfeito mas que
me faça sentir como tu fazes.

Loucuras, promessas, sonhos…
contigo tudo faz sentido!

Passaram 5 anos e hoje cá estamos…de
mãos dadas como no primeiro dia!

Simão Andrade

publicado por Cris às 00:03
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 6 de Dezembro de 2011
Reflexões de Natal...

Aproxima-se o Natal e com ele
chega o brilho e a intensidade com que se vive esta época.

Luzes e músicas lindas por
todos os cantos da cidade.

Correria para as prendas,
crianças a viver a ilusão do Pai Natal…

Enfim, todo um conjunto de
coisas que simbolizam o Natal.

Como eu gostava de saber o que
é a casa cheia nesse dia… As pessoas a chegaram trazendo algo especial para a
consoada, crianças a correr pela casa, confusão geral, brincadeiras, músicas cantadas
em conjunto, família reunida à mesa…

Mas a verdade é que nunca
soube o que isso é.

Nunca tive a minha suposta família
reunida na noite de Natal.

Os meus avós paternos nem os
conheci, os maternos nunca se sentaram à mesa da minha casa e mal sabem o meu
nome!

Gostava que as coisas tivessem
sido diferentes, hoje sei que é tarde demais para mudar seja o que for.

As únicas recordações que
tenho são de Natais passados com os meus pais e a minha irmã. Não tenho dúvidas
que tenham sido os melhores de sempre mas sinto um vazio em mim que jamais será
preenchido.

Não é suposto o Natal ser a união
da família?

Não é suposto esquecerem-se
conflitos e mágoas?

Por vezes tenho vergonha da família
à qual pertenço!

São só laços de sangue, são só
pessoas que mal se conhecem e que de todas as vezes que se encontram, acabam
por protagonizar uma história com final infeliz.

Já pedi que as coisas
mudassem, um dia… Hoje sei que isso é impossível e conformei-me com a
realidade.

E dou por mim a reflectir e a
fazer planos: um dia quero mesmo ser mãe!

Quero dar aos meus filhos tudo
aquilo que não me proporcionaram mas do qual eu tinha direito…

Quero que os meus filhos
conheçam e tenham orgulho numa família para além dos pais.

Quero dar-lhes o Natal que eu
nunca tive: com mesa cheia de pessoas boas e unidas, com alegria e esperança. Quero
que eles saibam a importância de se ter uma família.

Quero que eles percebam o bom
que isso é e lhes dê o devido valor.

Um dia, quando for mãe farei
tudo aquilo que um dia eu sonhei ter para mim.

Cresci depressa demais e sem
algumas bases que hoje ma fazem tanta falta. No entanto, tudo isso me
fortaleceu e fez de mim aquilo que sou hoje…

“Os amigos são a família que
podemos escolher!”

É a isto que me agarro e ganho
força para continuar…

 

publicado por Cris às 00:50
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Novembro de 2011
Uma 'amizade' do passado...

Foi contigo...

Foi contigo que se iniciou uma das melhores fases da minha vida.

Contigo vivi momentos maravilhosos, inesqueciveis, jamais repetidos...

Juntas conhecemos um Mundo a duas.

Sonhamos, prometemos, planeamos...

De mãos dadas e coração aberto, demos tudo de nós em nome da nossa amizade.

Sorrisos, gargalhadas, brincadeiras.

Tristezas, lágrimas, desgostos.

Olhares, partilha, amor.

Foi com tudo isto que construimos aquilo que tanto nos uniu...

Eu sempre estive lá para ti. Tu sempre estiveste lá para mim.

Inseparáveis.

Tornaste-te numa pessoa tão importante que chamar-te de amiga era pouco para definir tudo aquilo que representavas para mim.

Partilhámos histórias de vida, desabafamos e entre abraços e certezas, apoiamos-nos uma na outra. Sempre!

Contei-te segredos que jamais alguém soube e guardei os teus dentro de mim.

Contigo eu tinha a certeza de algo eterno na minha vida: a tua amizade.

Percorremos longos e duros caminhos juntas, sempre com um sorriso na cara.

Superámos desafios e partidas do destino.

Mas sempre nos mantivemos firmes.

Depois de tudo isso, acreditar que algum dia nos poderiamos separar seria algo impensável...

Mas a realidade é que aconteceu...

Sem questões, sem palavras...

Em silêncio, tu desapareceste da minha vida...sem explicações, sem nada a dizer.

Não te importaste com o que eu sentia... Não quiseste saber como eu fiquei...

Afinal, eu nem sabia de nada.

Tu partiste sem deixar rasto.

Outras prioridades sobrepuseram-se a mim...

Afinal eu não significava assim tanto para ti.

Afinal eu fui só mais uma.

Hoje estás noutra fase...

Não sei como lá chegaste pois não te lembraste de me contar nem precisaste do meu apoio ou dos meus conselhos.

Quando nos cruzamos, de lados opostos daquela rua, pareciamos duas desconhecidas...

Pelo menos tu fizeste-me sentir assim no momento em que eu te ofereci um sorriso rasgado e tu em troca me deste meia dúzia de palavras amargas.

Tão amargas que ainda hoje sinto o sabor.

Sabor tão forte que me despertou e me fez perceber tudo aquilo que até então eu não tinha visto.

As coisas mudaram... O jogo mudou...

Fomos importantes na vida uma da outra, sim fomos...

Mas é exatamente SÓ isso...um passado bem guardado lá trás...

publicado por Cris às 23:35
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 1 de Novembro de 2011
Por gostar...

Detesto as nossas discussões...

 Detesto ficar assim contigo...

Detesto quando amuas,

quando deixas que o teu orgulho fale mais alto.

Detesto quando me fazes dizer coisas que não sinto,

quando me irritas.

Detesto não me conseguir controlar,

não conseguir não chorar quando estou contigo.

Não gosto quando me ignoras,

não gosto de ir para a cama chateada contigo,

ter vontade de te ligar mas impor o meu orgulho.

Não gosto de sentir que te vou perder...

Eu só quero que as coisas estejam bem,

só quero estar bem contigo.

Poder-te abraçar só porque sim,

olhar-te nos olhos sem falar nada,

rir e brincar como duas crianças.

Eu não quero discutir...

Não quero pensar em pontos finais,

só quero estar contigo,

sem ciúme, sem dúvidas, sem insegurança...

Mas por vezes torna-se complicado

e eu não sei lidar com isso,

não sei lidar comigo própria.

Se calhar seria mais fácil se não gostasse assim tanto de ti,

se não pensasse tanto em ti,

se não desse a minha vida por ti...

Sim, seria bem mais fácil...

Mas é dificil...

É dificil não gostar tanto de ti,

não pensar tanto em ti,

não dar a minha vida por ti!

publicado por Cris às 22:20
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 21 de Outubro de 2011
Vida nova

Afastada de ti, sozinha aqui, penso em todos os momentos que passámos juntos.

Todas as promessas, todos os planos a dois, todas as loucuras cometidas um pelo outro, sentimentos jamais sentidos antes.

É injusto pedir-te para voltar mas está complicado perceber o porquê disto tudo.

Tudo que me dizias parecia tão verdadeiro, hoje penso que se calhar fui demasiado ingénua.

Não sei o que fazer, o que pensar, o que dizer, como agir.

Sei que tenho de tomar uma decisão sobre nós dois mas também sei que a decisão mais acertada é aquela que me vai doer mais.

Promestes-te que nunca me magoarias... Porque não cumpriste a tua promessa?

Sozinha nesta cama vazia, ainda sinto o teu cheiro nos nossos lençóis.

A verdade é que o teu lugar ainda não transparece a tua auseência.

No entanto, custa olhar e ver que não estás lá.

As fotos continuam no porta-retratos, a aliança no meu dedo...

Tudo igual e as decisões ainda por tomar...

Toda a gente fala mas ninguém é capaz de me compreender...nem eu própria!

O caminho a seguir é claro mas não me parece o favorável...

Será que existe a possibilidade de eu acordar deste pesadelo?

publicado por Cris às 00:10
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 18 de Outubro de 2011
Para Ti ....

Sozinha nesta cama vazia, penso nos nossos momentos a dois, aqueles momentos em que o Mundo se resume e tu e eu.

O teu cheiro, a tua pele morena, o teu toque, o teu beijo, o teu abraço...

Tudo parece tão distante mas ao mesmo tempo tão real.

Tenho saudades tuas e ainda só passaram 24 horas...

Pessoas falam mas nada do que elas dizem faz qualquer sentido na minha cabeça.

Estou com medo...Medo de adormecer e acordar sem ti...Medo de te perder...

Vejo fotos nossas e um sorriso rasga-se no meu rosto, ao mesmo tempo que a nostalgia se apodera de mim.

Sinto tanto a tua falta...

Quero ligar-te e ouvir a tua voz.

Quero sair e estar contigo.

Contigo passei os melhores momentos da minha vida, neste tempo todo a teu lado.

Sonhos, projectos, sorrisos, gargalhadas, brincadeiras,  saudade, distância, lágrimas...

Foi assim que construimos aquilo que temos hoje.

Olho para trás e de nada me arrependo...

Por ti, tudo valeu a pena...As noites sem dormir, as loucuras juntos, os segredos partilhados, as conquistas e as vitórias.

Ultrapassámos dúvidas, incertezas, invejas, obstáculos, provas... Ultrapassámos "impossiveis" e comprovamos o que sentiamos...

Valeu a pena, meu amor !

De mãos dadas, permanecemos aqui, lado a lado.

Tu és parte de mim, és a minha razão quando o coração fala mais alto, és o porto-de-abrigo sempre disponivel.

És o meu ombro, o meu ouvido, a minha força de seguir em frente, o melhor amigo acima de tudo!

Só tu sabes aquilo que realmente sou, só tu me entendes sem que eu precise dizer uma palavra.

O teu olhar no meu, o teu abraço verdadeiro, as tuas palavras, o teu beijo.

Tu és a certeza do meu futuro.

És o pior e o melhor de mim pois só tu me podes magoar mas também só tu me podes fazer recuperar !

Gosto de ti sem qualquer tipo de explicação !

Preciso de ti, aqui...

Deixa falar, só nós sabemos aquilo que somos e aquilo que temos !

Sem ti aqui, as noites tornam-se vagas mas em mim tudo está completo, porque te tenho !

Meu menino <3

publicado por Cris às 01:17
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 4 de Setembro de 2011
Para quem está a passar pela fase do "Custa"...

Custa...

Custa saber que já não estás aqui.

Pensar que amanhã é excusado esperar por ti...tu não virás!

Custa saber que não te ligarei para dar 'Bom Dia', para saber como estás, como foi o teu dia ou simplesmente para te dizer: "tenho saudades tuas".

As nossas vidas tomaram rumos diferentes.

Tudo parecia eterno mas não foi assim.

Tudo tinha o necessário para dar certo...entretanto tudo deu errado!

Custa saber que não vou ter o teu abraço, o teu carinho, as tuas palavras no meu ouvido, o teu toque, o teu cheiro, o teu sorriso.

Sei que é hora de seguir em frente, tentar ser forte mas é mais fácil falar do que fazer.

As horas passam mas nada acontece, nada faz sentido.

Penso como seria se ainda estivéssemos aqui juntos, penso, penso, penso, penso mas no fundo sei que isso só me faz mal, só me magoo.

Em frente ao espelho prometo a mim mesma que não vou chorar...

Olho para trás e só vejo os meus sonhos desfeitos, projectos que resultaram em nada, promessas em vão.

Porque é que tudo tinha de ser assim?

Era tão mais fácil não te ter conhecido...

Era tão mais simples não ter-mos vivido tudo que vivemos...

Penso que custaria muito menos.

Mas pensar para quê?

As coisas aconteceram simplesmente porque tinham de acontecer...

Mas sinto-me cansada...

Cansada das noites sem dormir, sem te conseguir tirar da minha cabeça.

Cansada das olheiras por causa das lágrimas que não mereces.

Estou cansada, estou no meu limite, no limite de mim mesma.

Não consigo ver nada, não consigo ouvir ninguém.

O amor é tão bonito enquanto dura...mas, e depois?

Já não me sinto...

Aquilo que sempre fui parece estar a desaparecer...

Custa...

publicado por Cris às 13:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 7 de Agosto de 2011
A vida sempre muda

Caminhando na noite, apenas as nossas recordações me dão força para continuar.

O teu cheiro permanece aqui como se de uma presença eterna se tratasse.

Este sitío perdeu todo o sentido de existir, foi um sitío nosso, hoje já não é mais.

Será que alguém me percebe quando digo que quero ficar sozinha?

Agora que estamos separados, tenho todo o tempo do Mundo para pensar em nós... Em mim, em ti...

Onde errámos? Se calhar não houveram erros, estava escrito assim...

Vejo fotos, a nossa música toca no rádio do meu carro enquanto sigo sem destino, apenas pensando, reflectindo...

Recordo momentos, penso como tudo foi tão bom mas ao mesmo tempo tão inesperado, como um sonho que se desvanece na poeira...

A culpa não foi tua, nem minha.

Era o nosso destino, porquê tentar arranjar culpados para algo inevitável?

Houveram coisas boas, momentos felizes, promessas de amor eterno. Eu acredito que nada disso foi em vão.

Onde estás agora?

Será que estás a sentir o mesmo ou já viras-te a página?

Peço desculpa pela minha indiferença, é a minha defesa.

A vida não pára, contigo aqui ou não, a vida continua.

Custa acreditar que o teu lugar está vazio. Ás vezes prefiro pensar que foste fazer uma longa viagem e logo logo estarás aqui. Outras vezes prefiro pensar que acabou e ponto final...

É incrível como estamos certos que a qualquer hora a nossa vida pode mudar, no entanto nunca estamos preparados para todas essas mudanças...

publicado por Cris às 12:08
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 19 de Julho de 2011
Criança

Como eu queria ser criança de novo...

Pode parecer estranho mas tenho vontade de voltar para trás no tempo.

Tenho saudades dos meus tempos de inocência pois foram, sem dúvida alguma, os melhores de toda a minha vida, e sempre o serão.

Sem preocupações, sem desilusões, sem confusões.

Criança é feliz com um simples "pau pintado", com o correr pela relva molhada, pelo colo saltitante do pai, pelas caretas da mãe...

Adulto nem se lembra mais disso, não dá valor ao que realmente importa, só correrias e stresses.

Ai como eu gostava!

Como eu queria pular, cantar, gargalhar e brincar sem pensar no que os outros possam pensar!

Como eu queria o colo do meu pai e o miminho da minha mãe.

De os fazer rir com as minhas invenções de criança, com o meu sorrisinho, com a minha energia.

Como eu gostava que me dessem toda a atenção, que me ensinassem as vogais e os números, as formas e as cores.

Que me fizessem feliz com um simples passeio de carro.

Mas hoje não! Sou uma mulher! Tenho responsabilidades!

E daí??

Eu posso fazer isto tudo na mesma! Sim, posso, mas não tem o mesmo sabor, não tem a mesma graça!

É incrivel como passei anos da minha vida a desejar crescer e agora só penso no quanto eram bons esses meus tempos de pequenina!

Como a vida muda, como o tempo passa!

As coisas simples ficam complicadas, as coisas realmente boas ficam esquecidas, a vida passa-nos ao lado, dá-mos importância a coisas que não têm importância alguma!

Zangamos-nos, irritamos, acordamos mal-dispostos!

Criança nem sabe o que isso é!

Será muito pedir para ser criança de novo?

publicado por Cris às 00:04
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 13 de Julho de 2011
Desencontro...

Palavras, momentos, promessas, sentimentos...

Onde está tudo isso hoje? Onde ficou tudo isso a que chegamos a considerar a nossa vida?!

Cansei!

Cansei de procurar por alguém que não existe mais, cansei de ser a parva que vivia de saudades de coisas que não voltarão jamais...

Chega!

Eu também sou gente! Eu também tenho uma vida!

Se tu me esquces-te, porque é que eu não serei capaz de fazê-lo?

Estou cansada de levar "pontapés" pela vida fora...

Estou cansada de investimentos falhados, de sentimentos entregues em vão, de dar tudo a quem simplesmente não sabe dar valor.

Passei contigo os melhores momentos e agradeço-te por isso...

A saudade é muita mas no teu telemóvel não receberás mensagem alguma minha, não vou perder mais noites de sono pensando em ti, não vou rever fotos e relembrar momentos, não vou ouvir a nossa música, não vou pensar mais nas nossas promessas...

Não, não voltarei a fazê-lo...

Mas porque é que eu própria não acredito em mim mesma quando falo isto?

É hora de seguir em frente, virar a página...Não vou apagar-te da minha vida, significas apenas um capitulo da mesma...

Não sei se algum dia terás noção disto tudo, talvez não mas mesmo que não te lembres mais de mim, que não sintas saudades de nós, eu estou aqui.

Mesmo que nunca me peças desculpa quero que saibas que sempre estarás perdoada...

publicado por Cris às 00:21
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 5 de Junho de 2011
Meu passado, meu futuro

 Há dias pediram para falar de mim...

Acho que é das coisas mais complicadas que me podem pedir.

Eu sou apenas o que sou, valho o que valho, nada mais que isso.

Não tenho uma rica vida mas tenho uma vida rica, tenho pessoas de quem gosto a meu lado.

Tenho pai, mãe e irmã, esta é a minha familia e a que realmente me faz falta, tudo o resto são apenas laços de sangue!

Não tenho muitos amigos mas tenho os suficientes para ser feliz.

Tenho bastantes conhecidos e colegas.

Não sou mais nem menos que ninguém, tenho a noção disso e espero que algumas pessoas também a tenham.

Já passei por muita coisa na vida, desilusões, mentiras e falta de personalidade mas foi assim que aprendi e cresci.

Amei quem não me merecia,

esperei por quem nunca chegou,

confiei em pessoas que julgava ser o que não eram,

dei o máximo de mim,

entreguei-me tantas vezes,

estive lá quando precisaram mas quando precisei não estava ninguém.

Já fui uma pessoa mais racional,

hoje acho que sou um pouco mais emotiva.

Cheguei a falar tudo que pensava sem olhar a consequências,

hoje penso e só depois falo.

Tive momentos que me apeteceu desistir de tudo,

deixar tudo para trás mas como em tudo na vida,

são fases, são ciclos que ora são bons, ora são maus mas aprendi que desistir não é a solução.

Afinal, quem sou hoje?

Sou uma pessoa bem resolvida comigo mesma e com as pessoas que me rodeiam.

Sei que nem sempre mostro mas dou valor a quem é realmente importante para mim.

A minha (pequena) familia, os verdadeiros amigos, que eu sei que estão sempre lá, e alguém que tem estado comigo e que não precisa de nomes, sabe bem quem é.

Não guardo mágoas nem tristezas do passado!

Tenho os meus objectivos e esses estão apenas num sitio: no meu futuro!

 

 

publicado por Cris às 22:27
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 2 de Junho de 2011
Respostas sem perguntas...

Finalmente tive a resposta para todas as perguntas que me têm vindo a atormentar...

Em segundos percebi que se calhar tenho andado enganada este tempo todo...ou não!

Hoje a tua indiferença magoou-me mais que a tua ausência.

Quando te vi, dentro de mim surgiram dezenas de sentimentos que controlei ao máximo.

Se fosse há algum tempo atrás, o mais provável seria corrermos para os braços uma da outra...Isso não aconteceu! Porquê?

Onde estava a nossa amizade inquebrável??

Faz meses que não falamos, não sabemos nada uma da outra...

Estamos tão perto e ao mesmo tempo tão distantes!!

Quando a distância nos separava, a nossa amizade era firme!

Agora, quase lado a lado, nem uma palavra...

Hoje o teu tom de voz e o teu olhar não foram os mesmos da amiga que eu conheci há 5 anos.

Acho que estou a começar a conformar-me que a minha vida está a mudar de novo e mais uma vez, as pessoas mais importantes da minha vida se estão a ir embora.

Sempre me ensinaram que nada é para sempre...Nunca acreditei que isso fosse verdade!

Agora é hora de seguir em frente.

Chega de pensar em coisas que no fundo não existem mais!

Gostava que um dia viesses ter comigo, quando sentires necessidade disso!

Faz tempo que não temos uma boa conversa!

Faz tempo que nem sequer trocamos uma palavra!

Não vou insistir mais...Chega de me magoar!

O que está a acontecer connosco?

Realmente a vida dá cada volta...

As nossas fotos, as prendas trocadas, as dedicatórias, as mensagens, enfim, tudo que foi nosso um dia, tudo isso continua guardado na minha caixa de recordações..Sinceramente acho que não passa mais disso!

Não vou chorar, lágrimas não te trazem de volta!

Entraste na minha vida por um motivo e é esse mesmo motivo que me faz acreditar que um dia destes nos voltaremos a encontrar, nem que seja para ter a conversa que tanta falta nos está a fazer!

Não, isto não é uma despedida...É apenas um Até Já!

publicado por Cris às 23:33
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Maio de 2011
A pessoa certa

O que eu preciso?

Preciso de alguém que precise de mim.

Alguém que se lembre de mim mais vezes que ocasionalmente.

Preciso de alguém que me diga coisas bonitas, mesmo que sejam parvoíces mas que me façam sentir bem.

Alguém para me dar "bom dia" e desejar "boa noite"!

Preciso de alguém que me pergunte como foi o meu dia e que me conte como foi o dele porque a minha opinião é importante!

Alguém que pense em mim antes de tomar qualquer decisão para a sua vida.

Preciso de alguém que goste de mim e me diga isso muitas vezes.

Que me faça sentir uma princesa mas ao mesmo tempo que me transforme numa criança de novo.

Alguém que faça as malas e fuja comigo para o fim do Mundo, sem olhar para trás.

Preciso de alguém que seja sincero e que tenha como prioridade nunca me magoar.

Que me agarre bem forte e me faça ter a certeza que o meu lugar é ali.

Preciso de alguém a quem eu possa dizer tudo sem medos nem ansiedades.

Que me faça sentir livre e ao mesmo tempo "presa" a si de uma maneira demasiadamente especial.

Alguém que me agarre a minha mão nos meus maus momentos e me diga que tudo vai ficar bem.

Que me alegre, por mais escuros que sejam os meus dias.

Preciso amar alguém também, preciso retribuir tudo isto.

Preciso esquecer estes medos e apagar estas dúvidas...

Às vezes acho que não sou capaz...

Outras vezes não sei de mais nada...

Só sei que preciso...

Preciso desta pessoa...

A pessoa certa!

publicado por Cris às 00:07
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 12 de Maio de 2011
Fases

Frases bonitas, músicas inspiradoras, sonhos...

Acho que finalmente agora todas essas coisas começam a fazer sentido.

Nova fase?

Eu quero acreditar que sim!

Tantas "cabeçadas" e desilusões...

Mas simplesmente agora as coisas começam a fazer sentido.

Investi em amizades que resultaram em nada.

Não importa, voltei a conhecer pessoas que penso valerem a pena.

Sonhos que não passaram de meras ilusões.

Não importa, voltei a construir novos horizontes.

Posso ter perdido muita coisa,

muitas pessoas,

ou talvez não,

se calhar precipitei-me em alguns momentos...

Ás vezes dou por mim a recordar momentos que simplesmente não voltam mais!

O tempo passou mas ainda não me mentalizei completamente disso.

Acho sempre que nunca é tarde para se voltar atrás mas a verdade é que o ponto de partida não é eterno.

Tudo muda, todos mudam.

Só eu é que parece que não....

 

publicado por Cris às 00:01
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Abril de 2011
Sabes quem és...

Nos meus "momentos de guerra", foi em ti que encontrei a minha paz.

Foste o ombro quando precisei chorar e o ouvido quando precisei desabafar.

Foste a palavra, o carinho e o apoio no momento certo.

O meu ponto de abrigo.

Contigo ri, chorei, vivi, sonhei e acreditei em coisas que tinham perdido o sentido na minha vida.

Apoiaste todas as minhas decisões e compreendes-te todas as minhas atitudes, mesmo quando não eram as mais acertadas.

Estiveste sempre lá!

Foste o meu porto seguro, o meu principe encantado, o meu sonho e ao mesmo tempo a minha realidade.

Foste o meu motivo de sorrir mas também o meu motivo de chorar.

A minha âncora de todas as vezes que o meu barco parecia querer naufragar...

Foste a voz amiga, o companheiro, o bom ouvinte, o namorado...

Contei-te segredos que guardava comigo.

Partilhei contigo coisas que jamais partilharia com mais alguém.

Foste a certeza de um futuro lindo...

Hoje, o tempo passou por nós.

Estamos um pouco mais crescidos, eu diria mais maduros até...

Passamos por tanta coisa, ultrapassámos o que parecia tão dificil...

Mas ainda estamos aqui, de mãos dadas como no primeiro dia...

As minhas certezas continuam firmes e convictas e hoje eu sei que enquanto eu tiver a capacidade de amar, tudo vai valer a pena!

publicado por Cris às 12:45
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Eu e as minhas vitórias

Estou cansada de olhares criticos e de opiniões mal-formadas.

Eu sou quem sou e sempre o serei!

Não tenho um  carro topo de gama.

Não uso roupa de marca.

Não tenho paciência para maquilhagem.

Não sei usar salto alto.

Não frequento discotecas nem chego a casa de madrugada.

Detesto protagonismo, não gosto de ser o centro das atenções.

Não tenho piercing no umbigo nem tatuagem no tornozelo.

Não espero pelo dinheiro dos meus pais pra rechear a minha conta bancária.

Então, e depois??
Orgulho-me do que sou.

Orgulho-me das minhas vitórias, do que conquistei com o MEU suor!

Aprendi a dar valor ás minhas conquistas.

Hoje sei que se quero algo, tenho de ir á luta!

Não fico á espera de facilidades, aliás nunca as tive!

Já cometi erros. Já me arrependi deles. Hoje estou a corrigi-los.

Tenho noção que quero um futuro melhor pra mim, contudo nunca me envergonharei das minhas origens...É graças a elas que sou o que sou!

Não preciso de luxos. Não vivo de ilusões!

Só preciso dos verdadeiros amigos, o resto? São consecutivas vitórias! 

publicado por Cris às 00:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 1 de Abril de 2011
...

Nunca te vi...

Nunca ouvi a tua voz...

Mas sempre ouvi falar de ti!

Passou algum tempo desde que partiste, posso ate dizer que ja foi tempo demais!

Será que as coisas seriam diferentes se estivesses aqui?? Eu tenho a certeza que sim...

Faço-me de forte mas no fundo sempre senti a tua ausência.

Queria tanto que estivesses na primeira fila dos meus espectáculos da escola primária.

Queria tanto ter-te ao meu lado na mesa de Natal ou Páscoa...

O que terias dito das decisões que tomei ao longo da minha vida? Precisei tanto do teu colo nesses momentos!

Será que terias orgulho das minhas conquistas?

Tive e ainda tenho tanta coisa que te queria contar...

Porque me roubaram a oportunidade de poder chamar-te?

Não sei onde estás, não sei porque partis-te tão cedo, não sei de nada, só sei que preciso tanto da tua companhia, avó!

Não tive tempo de te conhecer.

Não tive tempo de te dizer o quanto gostava de ti, mesmo sem te conhecer...

Já chorei por ti mas ninguém soube...

Já tive esperanças de te ver mas rapidamente as perdi!

Sei que já não voltas mas quero que saibas que não sairás de onde te coloquei: no meu coração!

publicado por Cris às 23:49
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 5 de Março de 2011
Tempo pra mim...

Hoje tirei um tempo para estar comigo mesma...

Pensar em tudo que tem acontecido na minha vida...

Acho que so agora estou a arrepender-me de certas atitudes que um dia achei serem as acertadas.

So agora estou a conhecer as pessoas que eu achava que valiam a pena. Afinal, nao valiam nada!

E se calhar desperdiçei tempo com elas e nao dei atençao a quem realmente precisava de mim.

Hoje olho para trás e nao sei o que ficou. Nao sei mais o que valeu ou nao a pena.

Estou cansada de ouvir as mesmas frases. Estou cansada de dar tudo de mim e em troca so receber "cabeçadas na parede"!!

Cansei de ver certas atitudes.

Ás vezes tenho vontade de voltar atrás. Outras vezes so quero seguir em frente.

Deixei de acreditar em tudo que me dizem, agora preciso que me provem.

Tenho sonhos e vivo em funçao disso. Nao preciso de mais nada. Nem ninguem.

Sozinha no meu carro, percorro caminhos que nao quero decorar nem sequer lembrar...So preciso conduzir sempre pra sentir que estou a seguir em frente... Voltar atras nao consta no meu mapa!

A vida tem-me ensinado bastante. Acho que ate demais.

Sera que algum dia vou ver o meu esforço compensado??

Eu acredito que sim...Tudo na vida tem uma explicaçao...Ate as coisas menos boas!!

=)

publicado por Cris às 00:38
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Fevereiro de 2011
Perguntas sem resposta...

Quando nos conhecemos, gostei de ti e dai ate ter-mos uma amizade, foi um pequeno passo..

Tinhamos feitios que se complementavam e eu achava-te uma miuda formidavel!!

Começamos por pequenos sorrisos ate chegarmos a grandes gargalhadas, a grandes momentos.

Tornaste-te numa amiga para todas as horas...

Prometemos que a nossa amizade seria para sempre, sempre, sempre... Porque nos enganamos tanto??

Hoje nao consigo ouvir musicas que cantarolavamos nos balneearios ou nos bancos do autocarro..Dao-me vontade de estar contigo!

Hoje nao consigo ver as nossas fotos...Tenho vontade de te agarrar!

As tus dedicatorias, os teus presentes..Tudo numa caixa fechada! Num passado que sei que nao voltara mais...

Passou um bom tempo desde a nossa despedida..Nao me perguntes o motivo...ainda hoje nao entendo!

Ou talvez entenda...Tu mudas-te, como ainda nao entendi isso??!

Precisas-te mudar de vida, dai eu fazer parte do teu passado...

Ja pensei abordar-te de novo, pedir-te explicaçoes sobre tudo mas arriscar ouvir de ti coisas que me vao magoar ainda mais que a tua ausencia?? Nao quero...Acho que nao estou preparada...

Mas sabes, tenho saudades dos nossos tempos a 3... Tenho saudades das nossas palhaçadas, dos nossos momentos so nossos, dos nossos segredos, das nossas conversas longos e das nossas SMS...

Sim tenho, B******....

Mas fazer o que? O tempo nao volta atras e mesmo que voltasse, haveria soluçao pra nos duas??

Sera que tambem ainda pensas em mim, em nos??

De tudo que foi e ja nao é mais, apenas guardo o mais importante: recordaçoes!!...

publicado por Cris às 00:26
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 25 de Dezembro de 2010
O meu poema favorito

O meu poema favorito, de Clarice Lispector:

 

 "Já escondi um amor com medo de perdê-lo,

 já perdi um amor por escondê-lo...

Já segurei nas mãos de alguém por medo,

já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir as minhas mãos...

Já expulsei pessoas que amava da minha vida, já me arrependi por isso...

Já passei noites a chorar até adormecer,

já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos...

Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem...

 Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram...

Já passei horas em frente do espelho tentando descobrir quem sou,

já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer desaparecer...

Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi...

Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta no meu canto...

Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir...

Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam...

Já tive crises de riso quando não podia...

Já parti pratos, copos e vasos, de raiva...

Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse...

Já gritei quando me deveria calar, já me calei quando deveria gritar...

Muitas vezes deixei de dizer o que penso para agradar uns,

 outras vezes disse o que não pensava para magoar outros...

Já fingi ser o que não sou para agradar uns,

já fingi ser o que não sou para desagradar outros...

Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz...

 Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava...

Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade...

Já tive medo do escuro, hoje no escuro "acho-me, agacho-me, fico ali"...

Já cai inúmeras vezes achando que não me iria reerguer,

já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais...

Já liguei para quem não queria apenas para ligar para quem realmente queria...

Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava...

Já chamei pela minha mãe no meio da noite fugindo de um pesadelo...

mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda...

Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram...

Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim...

Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre...

Não me mostrem o que esperam de mim, porque vou seguir o meu coração!...

Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!...

 Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão...

Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma para sempre!

Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas,

das drogas mais poderosas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos,

 dos sentimentos mais fortes.

Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.

 Podes até empurrar-me de um penhasco que eu vou dizer:

 - E então? EU ADORO VOAR!"

 

Clarice Lispector

publicado por Cris às 15:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Dezembro de 2010
Somente eu!

Sou aquela que ama mas nao acredita em principes encantados.

Aquela que nao procura a perfeiçao porque acha que os erros fazem crescer.

Sou aquela que tem dificuldades em dar segundas oportunidades porque tem medo de voltar a sofrer mas que no entanto acaba sempre por as dar, pois acha que toda que toda a gente tem o direito de errar.

Sou aquela que vive de sonhos mas que tem sempre os pés bem assentes no chão.

Que quer vencer na vida mas sem grandes subidas porque acredito que as quedas sao sempre maiores que as subidas.

Sou aquela rapariga que decora letras por achar a musica uma terapia.

Aquela que vive cada dia intensamente mas que sabe que mais tarde ou mais cedo, acabará por sofrer de novo, no entanto, nao quero pensar pensar nisso pois sei que entre a felicidade e a dor, ha sempre um tempo para ser feliz.

Sou aquela que sorri para as tristezas e chora de alegria porque prefere acreditar que a vida tem mais sentido se a vivermos de outra maneira.

Aquela que nao tem medo a mort pois acredita que é menos dolorosa que a propria vida.

Que segue em frente sem olhar para trás mas sem nunca esquecer o passado.

Aquela que nao odeia ninguem mas mesmo assim, vive rodeada de inimigos.

Sei que os sonhos nem sempre nos permitem ver a realidade, mas prefiro nao pensar nisso.

Hoje sou aquilo que a vida me ensinou.

Acho que aprendi demais com tudo...

Ao longo da vida, chorei muito mas tambem ri bastante.

E sei que no futuro, continuarei a ter mais momentos destes.

Sei que voltarei a chorar por razoes que nao imagino agora.

Seiq que vou perder pessoas importantes mas estou preparada para isso...

Nao precisam dizer nada...Aprendi a estar sozinha...

Sei que me vou desiludir sem contar, de novo. Mas tambem sei, que ao longo disso tudo, vou crescer mais um pouco e vou ficar mais forte, e verei cada fase de uma maneira diferente.

Porque hoje choro mas amanha rio...

Porque hoje perco mas amanha ganho...

A vida nao pára...

publicado por Cris às 00:18
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 9 de Dezembro de 2010
Quem sou??

Quem sou?

Eu sou uma rapariga normal...

Posso ter cara de menina mas já ten ho idade para ter juizo!

Eu posso ser tudo para uns e ao mesmo tempo ser nada para outros.

Ás vezes pareço forte mas tambem tenho os meus momentos de fraqueza.

Tambem tenho vontade de chorar, tambem tenho vontade de desistir tantas vezes, tambem me canso de certas coisas e sinto vontade de fugir para bem longe.

Muitas sao as vezes que me apetece gritar mas guardo esse grito em silêncio.

Tenho feitio calmo mas irrito-me com a mentira e a hipocrisia.

Tira-me do serio a superioridade, aquelas pessoas que acham que estão sempre no patamar mais acima de todos!

Muitas vezes digo tudo o que penso, o que nem sempre é bom, mas nao consigo assistir a injustiças..!!

Passei por muita coisa na vida. Coisas que hoje por tras do meu bom humor, ninguem imagina. Mas foram essas coisas que me fizeram crescer e saber dar valor a tudo que tenho hoje!

Nao gosto de facilidades, gosto de lutar para ter o que quero.

Nao sou filha de papás ricos e acho que nao teria feitio para o ser!

Ja caí demasiadas vezes, e achei nao mais me levantar mas hoje estou aqui!

Admito que achei por vezes, a vida demasiado injusta mas hoje sei que o caminho é em frente e tudo que me acontece, tem um sentido. Eu aprendo todos os dias comigo mesma.

Conheci muitas pessoas ao longo do tempo, e mesmo havendo algumas que nao eram o que eu pensava, todas valeram a pena, umas pela positiva, outras pela negativa, mas todas me ensinaram algo.

Deixei de ser demasiado "dada" ás pessoas. Hoje, primeiro conheco-as, so depois sei o que elas realmente merecem de mim!

No fundo, eu sou apenas e somente eu!

Sou feliz á minha maneira! =)

publicado por Cris às 23:38
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 31 de Outubro de 2010
...

Uma Palavra: Obrigada!

Um Som: Silêncio!

Um Nome: Cristiana!

Um Lugar: o Meu Mundo!

Uma Musica: "Ordinary Girl"

Um Momento: Nascimento da Minha Irmã.

Uma Pessoa: Patricia Costa

Uma Frase: "Tenho Saudades Tuas!"

Uma Cor: Laranja

Um Sentimento: Amizade e Amor

Um Gesto: Lembrança constante!

Uma Atitude: de Respeito!

Uma Qualidade: Boa_Disposiçao.

Um Defeito: Teimosia.

Uma Certeza: a Minha Personalidade

Uma Duvida: o Futuro

Um Medo: Perder Quem me Faz Falta!

Um Estado: Alegria

Uma Hora: 00.00h

Uma Fotografia: de Momentos...

Um Passado: Amizades

Um Sonho: Conquistar os meus objectivos.

Um Sucesso: Ser Feliz!

Um Motivo de Viver: Quem me Ama

Irrita_Me: Falsidade

Alegra_Me: Tudo que traga Bom Humor!

Preciso de: me Sentir Viva!

Dispenso: certas pessoas...

Nao Posso: com Mentiras!

Nao Quero: deixar de Acreditar nas Pessoas...

Nao Consigo: Trair!

Jamais: Perdoarei Traiçoes!

Sempre: vou ser EU!

publicado por Cris às 01:03
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 9 de Outubro de 2010
Pensar no passado...

Estes dias, em meio de arrumaçoes, descobri fotos de tempos que passaram e ficaram bem la tras...

Fotos de pessoas que entraram na minha vida mas nao quiseram ficar...

Fotos de momentos que sei que nao se repetirão...

Nessa hora, tive vontade de voltar atras...Mas para que?

Para fazer diferente? Ou para me magoar de novo?

O tempo passou e as coisas mudaram...As pessoas mudaram...

E pergunto_me: se nao tinham intençao de permanecer, entao porque entraram?

Iludi_me? Nao...Vivi os momentos, ate ao ultimo segundo...

Fui feliz com essas pessoas. Aprendi tanto e achei que seriam amizades para toda a vida...

Mas mais uma vez, emganei_me...Nada é eterno...

Amigos?? Deixei de acreditar no momento em que perdi tudo aquilo que construi com todos os meus sentimentos!

Musicas que nunca mais ouvi porque me lembro dos momentos em que cantamos todas juntas cada vez que tocava no radio do autocarro!

Brincadeiras genuinas ...

Foram momentos de um so momento...

Hoje, olhando essas fotos, esses pedaços que restaram, nao me senti triste nem com vontade de chorar...Apenas me senti vaga por achar que tudo que um dia me completou, nunca passou de uma linha riscada...

Hoje acredito apenas e somente em amizde verdadeira...Amizade essa que é como um grande amor: so se encontra uma vez na vida!

:)

publicado por Cris às 00:12
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Setembro de 2010
Nunca é um Adeus...

Este texto é para

aqueles que de alguma

forma perderam alguém um dia…

O melhor amigo,

o namorado,

a maior loucura,

o maior sonho.

Podemos perder de certa

forma mas na realidade

nunca dizemos adeus.

Ainda me lembro da

maneira como vivi

aquele amor e hoje tenho

saudades dessa memórias esquecidas.

Ou uma amizade especial,

uma pessoa que hoje eu

dava tudo para falar cara-a-cara.

Mas eu sei que

nunca direi adeus…

Músicas que hoje

não consigo ouvir,

fotografias que nunca mais revi…

Os sentimentos são passageiros?

Acho que não…

A vida é mas os

sentimentos são eternos.

Nunca conseguiremos esquecer

bons momentos,

boas risadas,

bons dias,

bons amigos…

Passe o tempo que passar,

por mais pessoas que

passem na nossa vida…

Há coisas que são intemporais.

Que passam mas

que são para sempre.

Podemos perdoar momentos

que nos magoaram mas nunca

conseguiremos esquecer aqueles

que nos fizeram felizes…

Podemos dizer que esquecemos

mas nunca poderemos jurar

que algum dissemos adeus…

publicado por Cris às 23:35
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
As cartas...

 

As cartas que nunca recebeste…

Aquelas cartas que sempre

te escrevi mas que nunca te mandei.

Eram cartas só para ti,

que eu nunca te entreguei…

Cartas de amor,

cartas de ilusão,

cartas de dor,

feitas do coração…

Segredos, poemas,

desabafos e sentimentos,

desilusões e dilemas,

do silêncio e do consentimento…

Cartas que nunca recebeste,

apesar de muita pena minha,

já que já esqueceste de mim

e fiquei sozinha…

Contudo, guardei essas cartas

que te escrevi,

aquelas que nunca esquecerei,

feitas só para ti!

Riscá-las, queimá-las,

jogar no lixo ou ignorá-las?

Jamais!

Essas cartas vou guardar,

ontem, hoje e todo o mais…

É nelas que sempre se

encontram todo o

meu sentimento puro,

aquilo que sempre senti por ti,

no passado, no presente e no futuro,

mas que de todo não

sou capaz de te dizer.

Agora olho para trás e

tenho medo de te perder…

publicado por Cris às 23:31
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 12 de Setembro de 2010
Sonhos

Ás vezes sozinha nos meus pensamentos, ponho-me a sonhar...

Por momentos acho que tudo nao passa de ilusões mas na verdade, eu quero muito que tudo seja realidade um dia...

Tenho medos... Penso em coisas que queria tanto mas nao deram certo...

Penso tambem em outras que nunca pensei que acontecessem...

É tudo um ciclo vicioso...

Quero coisas que sei que nao tenho coragem para conquistar...

Será que sou cobarde?

Nao!

Eu consigo...

Mas ao mesmo tempo, está tudo distante....

Luto todos os dias mas mesmo assim, tudo parece estar ainda tao longe de acontecer...

Nao posso enfraquecer apesar de as vezes ter vontade de desistir de tudo!

Sinto-me cansada de ouvir as mesmas frases...

Estou num limite em que achei que nunca chegaria...

Tenho a cabeça á roda...

Mil e uma perguntas sem resposta...

publicado por Cris às 23:32
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sábado, 11 de Setembro de 2010
Patricia Costa <3

Temos Fases na nossa Vida em que Achamos que é Demasiado cedo para Crescer. Achamos que Tudo Estará Bem e á nossa Maneira mas á medida que o Tempo passa, percebemos que Nao é bem assim...
Olhamos para Trás e Vemos que Muita coisa Ficou por Fazer e outras Tantas que Nunca deveriam Ter sido Feitas...
Nao sei se te Lembras do Dia que nos Conhecemos... Na verdade, eu Tambem Nao, mas Creio que Tenha Sido um dia Especial, ao ponto de Nunca Mais teres Saido da minha Vidaa... ^^
Tu foste a Primeira Melhor Amiga... Tu foste a irmã que Eu precisava...
Foste parte de Todas as Minhas Alegrias, das minhas Vitorias...
Foste Presença assidua nas minhas Tristezas e nos meus Fracassos...
Conhecias_me tao bem como eu Propria e por Vezes ate Melhor!!
Nunca Falhas_te em Nenhum Momento...
Nunca me Rejeitas_Te um Pedido de Ajuda, uma Palavra de Apoio, um Ombro de Consolo...
Sempre fomos Inseparaveis e os dias menos Felizes Eram aqueles em que Estavamos Chateadas...
Sempre Foste o meu Ponto de Abrigo, o meu Porto Seguro...
Sempre Soubemos Passar por Cima de Todas as Invejas da Nossa Amizade... E foi Juntas que Ultrapassamos todas as "porcarias" que Fizemos, todos os Erros que cometemos...
A nossa Amizade era Pura, transparente e Sincera...
Todos os Nossos Momentos, todas as Palhaçadas, todas as Loucuras, todos os Sorrisos... JUNTAS!!!
Mas um dia, o destino pôs á prova tudo isto mas Prometemos que como em Tudo, Tambem iriamos Superar a Distância...A nossa amizade era Suficientemente Forte!
Nunca me Esquecerei Daquele nosso ultimo Abraço no Ultimo Dia e o quanto eu o Tentei evitar, enquanto tu Chorando dizias: "Nao me Faças isto, Cristiana!"
Aí, eu abraçei_Te e chorei Contigo!
Eu nao Queria Perder_te mas...era Inevitavel!!
Os primeiros dias Foram Terriveis mas Eu sempre soube esconder os meus Sentimentos, as minhas Fraquezas e Fazer_Me Forte...
O tempo passou e cada uma Seguiu caminhos diferentes...
Conhecemos pessoas novas, fizemos novas Amizades e acabamos por Esquecer a Nossa...E ela acabou por "adormecer"...
A verdade é que Sempre senti a tua Falta e Nunca Ninguem te conseguiu Substituir...Eras unica..<3
Mas convenci_me que tinhas mudado e me Tinhas Esquecido...
Quantas vezes precisei de Ti mas nao tive Coragem de te Chamar!!
Quantos segredos guardei só para Mim!!
Tantas vezes tive vontade de te Ligar...
Quantas mensagens escritas só para Ti, ficaram nos 'Rascunhos'...
Quantas vezes ouvi "FIRST DAY OF MY LIFE" e me Lembrei de Ti e dos Momentos que a Cantamos Juntas...
Porque o Tempo nos Separou?
Porque nos Afastamos?
Porque nao Fomos mais Fortes...?
Será que tambem pensavas em Mim nos momentos em que Eu me lembrava de Ti?
Sera que tambem Precisas_Te de mim mas nao me Chamas_Te?
Hoje sinto que a nossa Amizade apenas congelou mas Sempre esteve Lá...
Eu ainda continuo a Precisar de ti...
Tu ainda Significas o mesmo de Sempre...
O tempo fez_me perceber que Ninguem consegue ocupar o teu Lugar...
Nao sei o que Sentes Desse Lado mas eu Sinto que Precisava Falar_Te disto...
Sao 8 anos unidas...
Sao 8 anos a Ter_Te na minha vida...
Sera que algum dia iremos Voltar Atras?
Algum dia voltaremos a Abraçar_Nos, a cantar Juntas, a contar uma com a outra..?
ADORO-TE <3
 

publicado por Cris às 00:10
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 10 de Setembro de 2010
Pessoas...

Ao longo da vida tenho conhecido muitos tipos de pessoas... Ninguem igual a ninguem...

Tenho acima de tudo aprendido um pouco com cada uma delas...

Ja conheci pessoas que nunca mais vi...

Ja fui amiga de quem nunca mereceu a minha amizade...

Conheci pessoas sem escrupulos, sem sentimentos...

Mas tambem ja conheci pessoas que nunca mais perdi.

Tornei_me amiga de pessoas fantasticas.

Descobri que ha gente com boas intençoes e cheias de sentimentos para partilhar...

Nao me arrependo de nada...Todos me deram uma liçao, de certa maneira...

Aprendi que nem sempre um sorriso é sinal de confiança mas ao mesmo tempo ensinaram_me que devo estar sempre disponivel para receber o que me podem dar...

Nao sei se sou uma boa amiga mas sei que dou sempre o meu melhor. Sei que daria tudo pela felicidade daqueles que fazem parte da minha vida.

Tenho muitos colegas e conhecidos mas poucos amigos...

Sei quem está sempre lá quando eu preciso e sei quem sao aqueles que mesmo sem eu falar, sabem o que estou a sentir...

Amigos sao poucos mas sao esses poucos que superam os muitos outros que pouco ou nada significam na minha vida...

Um dia alguem me ensinou que nao posso guardar momentos negativos.. Mas sim seguir em frente e fazer dos erros, liçoes...

Fazer das quedas, forças para continuar...

Eu nao desisto...A caminhada continua...

publicado por Cris às 23:59
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Apresentação *.*

Olá :)

Este é o meu novo "cantinho" e desde ja agradeço a tua visita.

Aqui irei escrever os meus textos, os meus pensamentos, os meus desabafos...

Espero que gostes e que sobretudo comentes e dês a tua opiniao... Conto contigo!

Até ja :)

música: http://www.youtube.com/watch?v=X9_n8jakvWU
publicado por Cris às 23:46
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.favorito

. Nunca é um Adeus...

.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds